quarta-feira, 25 de julho de 2012

OS CAMINHOS QUE ESCOLHEMOS


 

          Nossa vida é um eterno mistério.
          Existem muitos momentos que temos que tomar certas atitudes, que se não forem bem pensadas, terminaremos nos arrependendo, mais tarde.   
          Quase sempre vivemos em um caminho de via dupla, onde se torna difícil encontrarmos uma saída.
          Não é fácil nos concentrarmos em nós mesmos, desde quando o País em que vivemos, não permite tal ação.
          Um País onde não oferece quase nenhuma segurança para seus habitantes, é difícil  de ser acreditado.
          Os problemas que enfrentamos durante todo tempo, são uma verdadeira luta, entre o bem e o mal, e se não tivermos a mente forte, jamais conseguiremos sair vencedores.   
          Quem de nós nunca teve que tomar alguma decisão, e pelo fato de não encontrar um ombro amigo, terminou cometendo graves erros?
          Quem nunca ficou em dúvida, entre seguir sua própria opinião, ou uma opinião alheia?
          Se  não nos depararmos de vez enquando, com os mais diversos problemas, a vida não terá sentido algum, porque as coisas seriam de fáceis solução, e nós mesmos, iríamos ficar intediados.
          O que seria do mundo, se só houvesse uma cor?
          O que seria de nós, se todos fossem iguais?
          A mesma coisa, é em relação às nossas escolhas: se não analisarmos bastante certos casos, estaremos nos colocando, em um "beco sem saída", em um caminho sem volta.
          Pensemos em nossa vida, como sendo um novelo de linha, que ao puxarmos o fio, parece não ter mais fim.
          Se nós não olharmos certas decisões a serem tomadas, com muita cautela, estaremos caminhando, para um caminho sem fim.
          Se não tentarmos resolver o primeiro problema imediatamente, aquele problema se multiplica, se multiplica, mas seu fim, só Deus saberá.
          Portanto, antes de tomarmos certas atitudes, pensemos bastante, para não cairmos em tentação.
          Mais uma vez, muito obrigado por tudo. Não sei se consegui passar o recado, mas o importante, foi tentar.
          Fique com Deus.

                                                    

         

Nenhum comentário :

Postar um comentário