quinta-feira, 14 de junho de 2012

VENDE-SE

          Em determinados momentos de nossa vida, nós somos obrigados a tomar certas atitudes, que só depois, nos pomos a pensar.
          E quase sempre isso acontece, mesmo.
          Tudo isso porque, ainda carregamos em nós, uma pressa tamanha, para vermos as coisas feitas.
          Infelizmente, é a dura realidade, de muitos.
          Às vezes, no primeiro obstáculo que se apresenta, queremos de imediato nos desfazer daquilo que conseguimos, com muito esforço.
          Hora! Se compramos determinado bem, é porque do mesmo, precisamos.
          Sendo assim, não é recomendável que negociemos nossas preciosidades, por qualquer quinhão (dinheiro) .
          Quando vendemos algo que temos, impensadamente, nos arrependemos do ato feito, mais cedo ou mais tarde.
          Dinheiro nenhum  pode pagar, pelos nossos sonhos desfeitos.
          Ao estarmos em meio a uma crise financeira, por  exemplo, não é aconselhável que pensemos em sanar esse momento passageiro, vendendo o que com muito sacrificio, compramos.
          Não que sejamos materialistas, mas que cuidemos cuidadosamente, do que temos.
          Fica então, esse recado.
          Mais uma vez, muito obrigado por tudo. Fique com Deus.

Nenhum comentário :

Postar um comentário