sexta-feira, 4 de novembro de 2011

O HOMEM, QUERENDO MUITO

          Desde que nossas inteligentes autoridades, resolveram que nós devemos aderir ao horário de verão, que muitas pessoas devem estar, insatisfeitas.
          Essa conversa de que o tal horário é benéfico para o Brasil, é mais um meio, para nos enganar.
          Na realidade, o número de assaltos é crescente, para aqueles que vão trabalhar, logo cedo, e não possui carro, para se locomover.
          Para os idealizadores do horário de verão, tudo está bem, pois os mesmos tem carro, à vontade, e podem acordar mais tarde, para trabalhar.
          Mesmo sabendo que todo ano, quando o tal horário começa a funcionar, a natureza se transforma, mas...
          Geralmente, sempre que estamos no horário de verão, não temos um dia sequer, que não fiquemos sem chuva.
          É o homem, mexendo nos segredos de Deus, com sua "curiosidade ferina".
          Agora mesmo, parece que estamos, em pleno inverno.
          E sem explicação para a mudança repentina do tempo, os sábios dizem ser, uma frente fria.
          Imaginemos: quando não há horário de verão, porque mais precisamente nesse mês, não há tanta chuva, assim?
          A resposta, creio eu, que você já tem.
          A maioria da população, tendo que mudar seu relógio biológico, para agradar os "parlamentares irresponsáveis", é uma ofensa, à nossa inteligência, uma agressão, sem direitos desculpas.
          Se o ser humano é muito inteligente, a ponto de querer modificar o mundo, porque então, não usar essa sabedoria toda, para nos trazer mais benefícios?
          Sempre que começamos a mexer na natureza, as respostas vem, de uma forma ou de outra, como, por exemplo, as eternas enchentes, em diversos estados brasileiros.
          Mesmo com todas as respostas que a natureza dá, quando a mesma é irritada, ainda não aprendemos, nada.
          Mais uma vez, muito obrigado por tudo. Fique com Deus.

Nenhum comentário :

Postar um comentário