segunda-feira, 16 de maio de 2011

ALUNO x VICE

          Já não se tem mais educadores, como antigamente.
          Em uma escola de uma cidade  brasileira um aluno foi ofendido pela vice-diretora, ao lhe fazer uma pergunta um tanto ridícula.
          Pelo fato do aluno em questão estar brincando com seu colega de classe de  um forma estranha, aquela brincadeira dos dois foi entendida de maneira errada, como um ato obsceno.
          Ao presenciar a brincadeira dos alunos, a vice-diretora perguntou a um deles, se o mesmo gosta do sexo feminino ou masculino.
          Não é preciso nem entrar em mais detalhes, para você saber o porquê da tal pergunta.
          Mesmo que os alunos estivessem fazendo atos obscenos, isso não dá direito a tratar do assunto, de forma grosseira.
          O mínimo que essa vice-diretora deve sofrer, é ser demitida, para saber tratar os alunos, de uma forma digna.
          Os professores devem fazer o trabalho de psicólogos, para que possam entender o comportamento de certos alunos.
          Para alguns professores, seus deveres não saíram do papel, pois falam uma coisa e fazem outra.
          Além do aluno em questão ser suspenso de suas atividades escolares, ainda está traumatizado.
          Mas a justiça foi feita: a vice-diretora voltou a exercer suas atividades, como professora.
          De acordo com a Secretaria de Educação, se for preciso, a má funcionária poderá ser até desligada definitivamente e sendo assim, seu sonho de continuar como professora, ficará para trás, esquecido.
          Mais uma vez, muito obrigado por tudo. Fique com Deus.

                                                          Reflexão

                                              "Tenha esperança sempre".

Nenhum comentário :

Postar um comentário