quarta-feira, 23 de março de 2011

CUIDADO COM OS EUA

            Todo cuidado é pouco.
            Antes prevenir, do que remediar.
            Não foi atoa que Obama visitou o Brasil.
            Não é pelo fato do presidente dos EUA  ter vindo ao Brasil, que o mesmo vá cair de amores, por nosso País.
            Os Estados Unidos tem a fama de quererem mandar em tudo e em todos e assim vai continuar sendo.
            Se amanhã ou depois, o Brasil tiver alguma desavença com os EUA, poderemos ser perseguidos, também.
            Não é que vamos ficar inimigos dos americanos, mas devemos ficar com um olho aberto e outro fechado.
            Até o momento que os Estados Unidos não se sentem ameaçados, são amigos.
            Essa mania que esse País tem, de fazer com que os outros sejam sempre submissos, já virou uma obsessão.
            É sempre os EUA, que ditam as regras.
            Para alcançarem seus objetivos, os americanos são capazes de tudo.
            Se os Estados Unidos fossem verdadeiros amigos, não impediam que certos produtos nossos, tivessem as barreiras ridículas.
            Devemos sempre lembrar, que quando os brasileiros vão aos EUA, dificilmente conseguem ficar por lá, pois  vira e mexe, são deportados.
            Na realidade, o País em questão não gosta que os demais se sobressaiam, pois querem tomar conta do mundo.
            Que ele é uma grande potência, é, mas foi através de muito sangue derramado.
            Se Obama fosse diferente dos outros presidentes americanos, não continuaria consentindo os ataques, a Países irmãos, mas no entanto, continua seguindo a cartilha costumeira, americana: guerra e mais guerra.
            Mas como parece que o governo brasileiro está ciente das verdadeiras intenções dos Estados Unidos, em relação ao Brasil, os riscos podem ser poucos(?).
            Contanto que nossos bens não continuem sendo cobiçados pelo americanos, os mesmos são bem-vindos.
             Nos EUA, não se pode confiar.
             Mas uma vez, muito obrigado por tudo. Fique com Deus.

                                                      Reflexão

            "Quando aprendemos a usar a inteligência e a bondade ou afeto em conjunto, todos os atos humanos passam a ser construtivos".

Nenhum comentário :

Postar um comentário