quarta-feira, 16 de março de 2011

CASA NOVA, TUDO VELHO

            No Brasil nada muda realmente; só se faz disfarçar.
            E sendo assim, os políticos não fogem à regra.
            Apesar de determinados políticos trocarem de partido ou dos partidos mudarem suas sigla, mas continuarão sendo os mesmos.
            Não tem para onde correr.
            Certos políticos que fizeram e aconteceram em seu partido anterior, já estão de malas prontas para outro, como que assim, a população vá esquecer de sua história.
            Muitos desses políticos não fizeram nada de bom para nós, mas acham que somos crianças que são compradas, com uma bala.
            O erro de alguns deles, é pensarem que esquecemos facilmente dos mandos e desmandos, que os mesmos originaram.
            Essa história de políticos desonestos mudarem de partido, para escaparem de sua punição, tem que ter fim.
            Não adianta em nada os políticos irem para outra sigla, pois continuarão sendo os mesmos: corruptos, desonestos, ambiciosos, egoístas, enfim, ruins, mesmos.
            Mas dentre esses políticos que não honram os votos que são lhe dado, há sua exceção.
            Políticos honestos há, mas é uma raridade.
            Mas como o Brasil é o País da impunidade, logo as maldades que foram feitas contra nós, são esquecidas pelos " poderosos".
            Se as leis fossem mais severas, jamais determinados dirigentes da nação, por exemplo, estariam de volta.
            Imprecionante: os políticos fazem e acontecem, viajam por algum tempo, fazem uma operação plástica, e resolvem  retornar ao Brasil, se fazendo de bons moços.
            Há quanto tempo estão falando que vão fazer a reforma eleitoral, mas nada acontece, que nos deixe felizes.
            Se o Brasil fosse sério, aquele que errou, jamais se candidataria a nada.
            Errou, tem que pagar.
            Se a população sofre quando erra, porque os políticos desonestos também não pagam na mesma proporção?
            O castigo dos políticos, são alguns dias de ausência, e o nosso, é a eternidade de punição.
            Uma vez político desonesto, sempre será desonesto.
            Não adianta os tais trocarem de partido, porque a essência será a mesma.
             Mais uma vez, muito obrigado por tudo. Fique com Deus.

                                                             Reflexão

                               Atrás de cada olhar, existe um grande mistério.

Nenhum comentário :

Postar um comentário