quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

REVOLUÇÃO MENTAL

               A vida nos oferece tantos momentos delicados.
               Na maioria das vezes, vivemos entre a cruz e a espada, porque ficamos sem ter alternativas.
               Somos pessoas que se não tivermos um motivo que nos incentive, perderemos até o gosto por tudo aquilo que nos cerca.
               Mesmo não querendo, não deixamos de nos importar com os problemas  do nosso cotidiano:  o desemprego,  a infidiferença, a injustiça, a fome, o Brasil desumano, a falta de moradia, o sofrimento de alguns, enfim, com a falta de solidariedade.
                Dificicilmente há soluções para os problemas citados acima, porque o que mais importa para o Brasil, é ficar "bem na fita".
                Mesmo que a população passe por certas situações não merecidas, mas é a realidade.
                Um País onde há desperdício de dinheiro, não é para ser levado muito a sério.
                E em meio a tudo isso, ficamos nós a pensar: como posso ser feliz, enquanto existem pessoas sofrendo?
                Na maioria das vezes temos problemas com nós mesmos, com nossos familiares, com o vizinho, mas o pior de todos os problemas que enfrentamos a cada dia, é o Brasil.
                Quanto aos  nossos problemas,  é fácil  serem solucionados, mas em se tratando do País em que vivemos, a coisa já é outra, porque as leis feitas são sempre cegas, e só os poderosos podem consertá-las.
                E diante disso tudo, como ficamos nós, mentalmente?
                Existem pessoas que para não pensarem nos horrores brasileiros, preferiram até esquecer de si próprio.
                Por que será que existem muitas pessoas perturbadas mentalmente, aqui?
                A   pergunta feita, já foi respondida por você: porque de tanto certas pessoas quererem alcançar seus objetivos, e as dificuldades não permitirem, terminam se decepcionando, e enveredam pelo caminho da loucura.
                Sempre que temos um sonho qualquer, e não realizamos o mesmo, a tendência é ficarmos magoados ou até mesmo, alienados.
                Acho que agora você está a pensar: mas como não lembrar das injustiças do Brasil?
                Se for isso, é uma boa pergunta.
                Felizmente, todos os habitantes brasileiros são verdadeiros psicólogos, porque viver em meio a todo esse turbilhão de injustiças, e manter a mente sadia, é uma tarefa muito difícil.
                Mais uma vez, muito obrigado por tudo. Espero que essas palavras não tenham sido só mais umas palavras, mas um motivo para reflexão, também. Fique com Deus.

                                                     Reflexão

                     " A árvore frondosa, que ampara e alimenta,
                     As forças devolve, ao febril viajor,
                     Embora imponente e de porte garboso,
                     Foi preciso nascer, para viver seu labor...". 

Um comentário :

  1. Your blog is great你的部落格真好!!
    If you like, come back and visit mine: http://b2322858.blogspot.com/

    Thank you!!Wang Han Pin(王翰彬)
    From Taichung,Taiwan(台灣)

    ResponderExcluir