quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

ABSURDOS

          Fica difícil nós entendermos como as autoridades tomam certas atitudes, no momento em que o País precisa ficar em paz, novamente.
          Durante dias e mais dias, a população sofreu com a "guerra" existente, em nosso País.
          Várias pessoas tiveram sua rotina alterada, seus sonhos perdidos, ficaram reféns, dos marginais.
          Algumas, tiveram sua vida interrompida, inesperadamente.
          Pessoas que com muito sacrifício, compraram seu veículo, por exemplo,  e num piscar de olhos, todo seu investimento, foi destruído.
          Ninguém jamais irá esquecer, de todos os ônibus que foram incendiados, durante os dias de tensão, no Brasil, do Brasil que quase foi "por água abaixo"
          Tudo bem...
          Medidas foram tomas, para impedirem as ações dos marginais.
          Agora, de uma hora para outra, uma determinada cidade brasileira, coloca em liberdade, vários detentos, alegando falta de espaço, na delegacia.
         Justamente no momento mais delicado para nós, é hora de tomar essa atitude impensada?
         Não adianta de um lado, as autoridades lutarem contra os vândalos, e de outro, as mesmas autoridades libertarem pessoas perigosas, da prisão.
         Fica difícil para todos nós entendermos, como funcionam as leis brasileiras, realmente.
         De um lado se faz, de outro, se desfaz.
         Quem garante que as pessoas que foram colocadas em liberdade, terão a conduta esperada?
          Essa mania de soltarem os marginais da cadeia, por uma questão de bom comportamento, é algo muito perigoso, para a sociedade, porque nem todos os presos soltos, pararão de fazer as barbaridades, de antes.
          Essa história é velha: os bandidos são soltos das cadeias, viajam,  depois voltam  ao Brasil, e continuam  tirando a paz, de todos nós.
          E como sempre, a população que quer ter sua paz de volta, é a mais prejudicada, por causa das decisões tomadas pelas autoridades que não pensam, em nosso bem-estar.
         Até onde as leis serão erradas e cegas?

                                                    Reflexão

        " Um amigo é uma pessoa, com a qual se pode pensar em voz alta"

Nenhum comentário :

Postar um comentário